Vai casar? 4 dicas para comprar a casa própria

Vai casar? 4 dicas para comprar a casa própria

Quem casa, quer casa — como já diz o ditado, comprar a casa própria é o sonho de muitas pessoas que vão se casar. No entanto, muitas vezes esse sonho fica distante devido à quantidade de dinheiro necessária para fazê-lo se tornar realidade.

Apesar de exigir muita reflexão e planejamento financeiro, adquirir um imóvel não é impossível. Com algumas atitudes e pequenas mudanças de hábitos é mais do que possível fazer acontecer.

Pensando nisso, separamos 4 dicas para que você possa se planejar financeiramente e, assim, comprar seu primeiro imóvel. Confira!

1. Organize suas finanças

Em primeiro lugar, é necessário organizar todas as informações que envolvem o uso do seu dinheiro e transferi-las para uma planilha.

Dessa forma, você poderá acompanhar com detalhes todos os seus gastos: desde os consumos necessários — tais como alimentação, saúde, transporte e moradia — até os menos importantes.

A partir dessa análise, você conseguirá observar com mais clareza onde o seu dinheiro está sendo gasto, o que possibilitará que você encontre maneiras de aplicá-lo naquilo que é essencial.

2. Evite os gastos supérfluos

Vivemos em um mundo que estimula o consumo exagerado e que induz as pessoas a gastarem mais do que realmente necessitam.

Sendo assim, é preciso manter o foco e abdicar de algumas regalias. Antes de comprar qualquer coisa, reflita: eu realmente preciso disso? Vai valer a pena comprar? Posso adiar essa compra?

Com essa nova atitude frente ao consumo, você deixa de comprar aquilo que não precisa e guarda o dinheiro para o que de fato importa: o sonho da casa própria.

Tenha em mente que quanto mais você guardar, menos pagará de juros com o financiamento!

3. Realize investimentos

Dinheiro parado é prejuízo na certa. Assim, além de poupar, é necessário investir o dinheiro para que ele possa render ao longo do tempo.

O mais recomendado é investir em aplicações seguras e de renda fixa que lhe garantam ganhos previsíveis e estáveis. Dessa maneira, procure por aplicações com boas taxas de juros para garantir que seu capital esteja protegido da inflação e possa crescer.

Uma boa dica é investir no tesouro nacional, comprando títulos públicos do governo. Esse tipo de investimento costuma render mais do que a poupança, além de ser seguro, líquido e possuir bons prazos.

4. Não tenha pressa

O processo de comprar a casa própria demanda tempo e muita paciência. Por mais que a vontade do casal de adquirir o novo imóvel seja grande, é preciso cautela.

Assim, analisar todas as opções e escolher aquela que mais atende às suas necessidades é primordial. Além disso, tenha em mente que o mercado imobiliário é muito dinâmico e várias oportunidades podem surgir com o passar do tempo.

Nesse sentido, pesquise com cuidado fatores como:

  • um imóvel que de fato caiba no bolso;
  • as opções de pagamento;
  • as despesas extras (manutenção do imóvel, seguro, IPTU, condomínio e documentação);
  • o custo de vida da região.

Com todas essas dicas, com certeza ficou mais fácil compreender a importância de se planejar financeiramente, bem como descobrir maneiras de juntar dinheiro para te ajudar a conquistar o sonho de adquirir o primeiro imóvel próprio.

Gostou do nosso texto? Então que tal baixar nosso e-book? Nele, preparamos um guia de como fazer um planejamento financeiro para comprar a casa própria!

Gostou do texto?
Faça seu cadastro e receba todas as novidades do blog no seu email!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *