O salário precisa render mais? Confira essas 5 dicas!

O salário precisa render mais? Confira essas 5 dicas!

Quem não quer fazer o salário render mais? Em tempos de crise, economizar se torna uma tarefa ainda mais complicada — mas isso não é impossível!

Poupar algum dinheiro no final do mês pode tornar viável aquele sonho de comprar a casa própria ou de fazer uma grande viagem, por exemplo. Veja abaixo nossas dicas sobre como fazer seu salário render mais:

1. Planeje-se melhor

Todo orçamento saudável deve ser feito a partir de um adequado planejamento financeiro. É somente por meio dessa solução que você poderá identificar quais são os seus acertos e os deslizes nos gastos de cada mês, e assim otimizá-los conforme seu estilo de vida.

Faça anotações detalhadas de todos os seus ganhos e gastos mensais. As despesas vão desde aquelas mais essenciais, como contas de aluguel e de luz, até as mais supérfluas, como os pequenos lanches no trabalho.

Após acabar o mês, faça um balanço de todas essas movimentações. O que saiu mais caro em seu orçamento? Como poderia diminuir esse gasto? Crie novas táticas para diminuir as contas, além de planejar qual porcentagem de seu salário será destinada para qual área.

2. Não se encante pelo uso excessivo do cartão de crédito

O cartão de crédito é uma mão na roda para muita gente. Mas também pode ser o marco de vários problemas financeiros. Isso porque, por não pagar imediatamente os valores gastos, o cartão de crédito poderá se tornar uma artimanha para que a pessoa perca o controle de seu consumo.

É muito mais fácil gastar sem sentir culpa quando você não repara imediatamente naquele dinheiro saindo de sua carteira ou de sua conta, não é mesmo? Por esse motivo, se você tiver algum cartão de crédito, é imprescindível controlar bem as compras, de maneira ainda mais restrita e atenta.

3. Renegocie suas dívidas

Fazer o salário render mais não significa, necessariamente, economizar. Em alguns casos, é preciso primeiramente quitar suas dívidas, para então começar a guardar algum dinheiro.

Uma boa opção é renegociar esses valores com as instituições responsáveis. Monte uma nova proposta de pagamento, que esteja de acordo com seu orçamento mensal, e entre em contato com quem deve.

Dessa forma, você se livrará das dívidas, sem comprometer grande parte de sua receita. E poderá partir para a próxima etapa desse processo: as economias!

4. Economize nas coisas pequenas

Quem acredita que é preciso apenas abrir mão de grandes gastos para fazer o salário render mais está muito enganado.

Na verdade, os pequenos gastos feitos com alguma frequência podem ter tanto impacto no planejamento financeiro quanto um grande consumo eventual. Por exemplo, se você gastar R$ 3,00 todos os dias tomando cafezinhos, ao final do mês terá gasto em torno de R$ 80,00 com essa saída de recursos.

Da mesma forma, se comprar uma barra de chocolates de R$ 5,00 a cada semana, terá gasto R$ 20,00 mensalmente. Somando todas essas despesas, o rombo em seu orçamento pode ser consideravelmente grande.

É muito mais fácil regular estes pequenos gastos, que podem ser eliminados ou mitigados, do que se ver sem dinheiro para alguma emergência ou para uma despesa que realmente precise ser cumprida.

5. Procure alternativas de lazer gratuitos

Um dos aspectos mais simples de ser cortado em seu orçamento é o lazer. Entretanto, isso não quer dizer que uma pessoa deva parar de se divertir para fazer com que seu dinheiro renda mais.

Pensando nisso, uma boa solução é procurar os programas de graça ou ao ar livre, que possam ser aproveitados por todos da família. Desse jeito, você ainda poderá mostrar aos seus entes queridos que é possível se divertir, sim, gastando menos!

Fazer o salário render mais é uma arte, mas não é preciso se sacrificar muito para que isso aconteça! Quer ajudar os amigos a economizar? Compartilhe esse texto nas suas redes sociais e mostre a eles como melhorar a gestão financeira!

Gostou do texto?
Faça seu cadastro e receba todas as novidades do blog no seu email!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *