É possível financiar um imóvel com o nome sujo? Entenda aqui!

É possível financiar um imóvel com o nome sujo? Entenda aqui!

Nos últimos anos, o processo de financiamento de um imóvel tem se tornado cada vez mais simples, com burocracia reduzida e facilidade na liberação de crédito. Para muitos brasileiros, essa é a única opção para comprar o primeiro imóvel. Mas com a oportunidade vem uma dúvida: é possível financiar imóvel com o nome sujo?

Uma parcela significativa da população brasileira se encontra endividada ou tem alguma restrição de crédito em seu nome. Nesses casos, conseguir um financiamento pode não ser tão simples, porque uma das etapas do processo é justamente a análise de crédito do comprador.

Isso não significa, porém, que uma pessoa com nome sujo ou negativada nunca poderá conquistar a casa própria. Quer descobrir como lidar com essa situação? Continue a leitura para entender o que fazer em cada caso:

Afinal, o que pode sujar o meu nome?

Existem diversas situações que podem comprometer o crédito a uma pessoa, seja para empréstimos, financiamentos e até liberação do cheque especial pelo banco. As mais comuns são:

  • inadimplência em compras no comércio ou no setor de serviços, tendo o nome inserido em cadastros negativos (SPC e Serasa);
  • emissão de cheques sem fundos constatada pelo Banco Central;
  • pendências com o INSS ou a Receita Federal;
  • dívidas com o poder municipal, estadual e federal.

O que fazer quando existe restrição de crédito em meu nome?

A única solução imediata para resolver o problema de restrição de crédito e nome sujo é quitar as dívidas e regularizar as pendências. Ao pedir um financiamento, bancos e agências de crédito analisam o histórico financeiro do interessado, e estar com o nome sujo indica que haverá maior dificuldade para arcar com as prestações.

Por isso, mesmo quando o comprador possui renda suficiente, normalmente a proposta de financiamento é negada.

Quando os bancos recusam o crédito, o comprador pode procurar financeiras particulares, onde é mais fácil financiar imóvel com o nome sujo. Porém, os fatores de risco associados à restrição de crédito podem elevar consideravelmente as taxas de juros do financiamento.

Portanto, a melhor opção continua sendo negociar as dívidas e limpar o nome antes de solicitar crédito para compra de um imóvel.

Quando é possível financiar um imóvel com o nome sujo?

Existe uma situação prevista no programa Minha Casa Minha Vida onde é possível financiar um imóvel com o nome sujo ou restrições de crédito: quando o participante se enquadra na faixa 1.

Nessa modalidade, o interessado deve ter renda familiar inferior a R$ 1.800,00, e o Governo Federal oferece subsídios de até 95% do valor da parcela.

Além de comprometer apenas 5% dos seus rendimentos com o financiamento, o comprador tem facilidade na liberação do crédito, já que o Governo não realiza análise de risco para mutuários nesta faixa do programa.

Financiar imóvel com o nome sujo não é impossível, mas é preciso lembrar que uma pessoa sem dívidas e restrições de crédito tem mais facilidade de passar pelo processo sem problemas. Por isso, é sempre recomendado tentar quitar todos os débitos e limpar o nome antes de tentar um financiamento.

Dessa forma, as chances de conseguir comprar sua casa própria aumentam e você tem acesso a taxas de juros menores e outros benefícios de programas como o Minha Casa Minha Vida.

E você, já tentou financiar imóvel com o nome sujo? Tem alguma dica para vencer a restrição de crédito e comprar sua casa própria? Deixe seu comentário!

Gostou do texto?
Faça seu cadastro e receba todas as novidades do blog no seu email!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *